Pesquisa

Café Memória chega a Évora

Alzheimer Portugal
Primeira sessão a 27 de janeiro de 2018
Autor Tatiana Nunes 
Data 06-12-2017 

A Alzheimer Portugal e a Sonae Sierra assinam a 7 de dezembro um protocolo com a Universidade de Évora para a criação de um Café Memória na cidade. São ainda parceiros locais deste novo Café Memória o Município de Évora, a Direção Regional de Cultura do Alentejo, a Fundação Eugénio de Almeida, a Fundação Alentejo, as Empresas NephroCare, DECSIS e a Delta Cafés.


As sessões irão decorrer no Espaço - Igreja do Convento do Salvador (R. do Salvador, nº 2­), no 4.º sábado de cada mês, das 10h00 às 12h00, com entrada livre e sem necessidade de inscrição prévia. A primeira sessão está agendada para dia 27 de janeiro de 2018.
A chegada do projeto à cidade de Évora está integrada na estratégia de expansão da iniciativa a diferentes regiões do país, de modo a levar esta resposta social a um número cada vez maior de pessoas com problemas de memória ou demência, seus familiares e cuidadores. Com este acordo, o projeto, criado em 2013, passa a contar com 18 locais de encontro: Lisboa (em cinco espaços diferentes), Cascais, Porto, Viana do Castelo, Oeiras, Viseu, Braga, Guimarães, Madeira, Barcelos, Almada, Leiria, Sintra, e agora, Évora.

 
José Carreira, Presidente da Direção da Alzheimer Portugal, refere que “Para a Alzheimer Portugal, a criação de uma resposta como o Café Memória numa zona do interior do país é mais um grande passo no nosso caminho de descentralização e aproximação das comunidades locais. Esperamos que para além de vir trazer momentos de convívio e bem-estar a quem vive nesta cidade, este Café Memória possa também abrir portas para que novas parcerias venham a ser celebradas noutras cidades do país”.

 

O Café Memória

O Café Memória consiste num local de encontro para a partilha de experiências e suporte mútuo a pessoas com problemas de memória ou demência, seus familiares e cuidadores, com o acompanhamento de profissionais de saúde e de serviço social e o apoio de voluntários. Visa contribuir para a redução do isolamento social em que muitas daquelas pessoas se encontram, melhorando, assim, a sua qualidade de vida. Pretende ainda sensibilizar a comunidade para a problemática das Demências, fomentando o seu envolvimento no projeto.

Até à data, já foram realizadas perto de 500 sessões de Café Memória, com cerca de 7.500 participações, maioritariamente de cuidadores e familiares de pessoas com demência e foram formados mais de 400 voluntários, que já dedicaram perto de 12.000 horas ao projeto.

 

Café Memória procura voluntários

O Café Memória convida a comunidade local de Évora a associar-se a esta iniciativa e a apoiá-la em termos de voluntariado. Procuram-se pessoas de ambos os géneros, maiores de idade, comunicativas e com capacidade para escutar e criar empatia. O dinamismo, a responsabilidade e o interesse pela problemática das demências são também atributos necessários para fazer parte deste projeto. 

Será necessário ter disponibilidade para acompanhar as sessões, que decorrem uma vez por mês. Ser voluntário do Café Memória implica ainda a participação numa formação prévia de 8 horas e um grande espírito de equipa. Para se candidatarem, os interessados podem enviar um e-mail para geral@cafememoria.pt, contactar o número 935 044 787 ou através do sitehttps://www.cafememoria.pt/voluntariado.