Pesquisa

Programa «Apoio na Incontinência»


O Programa «Apoio na Incontinência» é um projeto integrado no «Plano de Ajuda» da Alzheimer Portugal, que oferece apoio aos associados para a obtenção de materiais para a incontinência, mediante uma candidatura.


Programa «Apoio na Incontinência» 2018


Estão abertas as candidaturas para o Programa «Apoio na Incontinência 2017». Candidate-se até 31 de janeiro de 2018.


Critérios de Inclusão:
  • Ter diagnóstico de Doença de Alzheimer ou de outra forma de Demência;
  • Ter situação de incontinência comprovada por médico assistente;
  • Ter rendimentos baixos;
  • Ser associado, com as quotas pagas, incluindo as do ano 2018;
  • Preencher a respetiva ficha de candidatura e apresentar os comprovativos requeridos;
  • Cumprir o prazo definido para a entrega da candidatura;
  • Estar entre os primeiros candidatos que cumpram os anteriores critérios (o número de beneficiários é determinado pela verba angariada na Venda de Natal da Alzheimer Portugal e outros projetos eventuais).

As candidaturas estão sujeitas a avaliação, realizada pelo Gabinete de Apoio Psicossocial da Alzheimer Portugal.


Como pode candidatar-se:

Envie, até 31/01/2018, a Ficha de Candidatura devidamente preenchida e assinada, para a Sede ou Delegação da sua área de residência. 

  • Distritos abrangidos pela Delegação Norte: Porto, Viana do Castelo, Vila Real, Bragança, Braga
  • Distritos abrangidos pela Delegação Centro: Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu, Castelo Branco, Aveiro
  • Distritos abrangidos pela Sede: Lisboa, Setúbal, Portalegre,Faro, Beja, Évora
  • Distrito abrangido pelo Núcleo do Ribatejo: Santarém


Envie, juntamente com a ficha de candidatura, os seguintes documentos,mesmo que já os tenha apresentado em anos anteriores: 

1. Documento comprovativo de rendimento por cada elemento do agregado familiar: Declaração de IRS, entregue no ano de 2017, referente aos rendimentos do ano de 2016; ou fotocópia do talão anual, recebido em Janeiro de 2017, da Pensão ou Declaração detalhada emitida pela Segurança Social, que faça referência à situação actual de cada elemento do agregado familiar. Se auferir de algum rendimento, o valor deverá estar patente na declaração enviada.

2. Para os utentes cujo rendimento mensal (individual) ultrapasse os 557€(*), requisita-se uma declaração, emitida pela Repartição de Finanças, com o intuito de confirmar a ausência de entrega da Declaração de IRS do ano de 2016. (*) Salário Mínimo Nacional referente ao ano de 2017.

3. Cópia dos recibos das despesas fixas referentes ao mês anterior à candidatura, como, por exemplo, a renda da casa ou prestação de habitação e faturas de água, luz, gás, telefone fixo. Pode ainda juntar recibos das despesas de saúde, em caso de medicação específica;

4. Declaração do médico assistente em relação ao estado de saúde e, neste caso, atestando a situação de incontinência (Candidaturas ao Programa Apoio na Incontinência realizadas em anos anteriores não necessitam de entregar doc. referido no ponto 4. Apenas é obrigatório para novas (1ª vez) candidaturas);

5. Declaração emitida pela Junta de Freguesia da área de residência que venha comprovar a composição do agregado familiar, indicado no ponto 3.1. da ficha de candidatura.

6. Cópia de B.I./ Cartão de Cidadão de cada um dos elementos que compõem o agregado familiar.


Avaliação
Todos os processos serão analisados de acordo com a sua ordem de chegada.

Apenas serão contempladas as candidaturas que cheguem à Alzheimer Portugal até à data referida (31/01/2018), não devendo ser considerada a data dos correios, mas sim a data de entrada na Associação. 

Quanto às respostas, serão emitidas assim que nos sejam enviados todos os dados necessários para essa mesma análise. As respostas a todas as candidaturas serão enviadas por escrito, para a morada do associado.



Descarregue aqui a Ficha de Candidatura ao Programa Apoio na Incontinência 2018.