Pesquisa

Projeto Memo e Kelembra nas Escolas


Com o Projeto Memo e Kelembra nas Escolas, a Alzheimer Portugal realiza sessões de dramatização, leitura e apresentação do livro bilingue “O Pequeno Elefante Memo”, em escolas a nível nacional, com a participação de alunos e professores

O projeto é destinado a crianças e jovens que frequentam desde o 1º  ciclo ao secundário e tem como principal objetivo aumentar o nível de literacia na área das demências. 

O projeto foi, em 2015, vencedor do Prémio Maria José Nogueira Pinto como o projeto que melhor corresponde ao conceito “socialmente responsável na comunidade em que nos inserimos”, máxima defendida por Maria José Nogueira Pinto, na sua prática diária, tendo-lhe sido atribuído o Primeiro Prémio” e vencedor de EDP Solidária 2015.

O livro “O Pequeno Elefante Memo”conta a história do pequeno Elefante Memo e da sua avó Kelembra, a qual, aos poucos, começa a perder a memória, contando com o apoio do Memo, ao longo deste processo. 

Pretende-se, apelando à ternura e ao amor, obter um forte impacto no combate ao estigma/isolamento a que as pessoas com demência são, muitas vezes, votadas, mostrando como continuam a ser úteis à sociedade. 

O projeto visa focar as dificuldades de memória que as pessoas com demência apresentam e como o auxílio da família, principalmente das crianças e dos adolescentes, é essencial para ajudá-los no seu dia-a-dia, ultrapassando, assim, as dificuldades, com o apoio de todos. 

Pretende-se, assim, consciencializar as crianças e adolescentes para a importância do apoio aos seus avós com demência, ajudando-os a lidar com as dificuldades inerentes à patologia, tais como os problemas de memória, e promover as relações intergeracionais, sublinhando, assim, a importância que a pessoa idosa tem na sociedade e na família.

Cada sessão é composta por um momento de dramatização com a participação dos alunos e professores, seguindo-se uma sessão informativa onde se abordaram as várias vertentes ligadas à área das demências, tais como o que são as demências e a importância do relacionamento intergeracional. 


Em 2017 foram realizadas sessões em 59 escolas públicas e privadas em 14 distritos de Portugal Continental: Aveiro (1), Beja (1), Braga (6), Castelo Branco (1), Coimbra (1), Faro (3), Guarda (2), Leiria (2), Lisboa (12), Porto (14), Santarém (1), Setúbal (11), Viana do Castelo (1), Viseu (3), num total de 7508 participantes. 



memo  Dra. Sara Nava, Assistente Social


memo  Dra. Catarina Portela, Psicóloga






Livro bilingue “O Pequeno Elefante Memo”

Memo

 

Feedback da Escola Básica Professora Ana Maria Ferreira Gordo, do Agrupamento de Escolas do Crato, Portalegre (28 de fevereiro e 1 de março, 2018) – 1º, 2º, e 3º ciclo

O feedback que obtivemos da parte dos alunos foi muito positivo. Inclusivamente no caso do 9.º ano (turmas que acompanhei e que, aparentemente, muitos estavam na brincadeira) na aula seguinte fizeram-me imensas questões sobre o assunto e disseram que tinham conversado com os pais e que tinham descoberto que, afinal, algumas das respetivas famílias já tinham passado por esta situação.



Alguns Testemunhos de Crianças



Agrupamento de Escolas de Colmeias
Turma: 5.º C

Letícia
A Sara e Catarina ajudaram-me a perceber mais sobre a doença de Alzheimer. Alzheimer é uma doença que aparece devagarinho, a doença pode trazer alucinações, perda de memória, etc. Algumas pessoas perdem a memória e estão sempre a fazer a mesma pergunta enquanto não as distraímos.
As alucinações é quando as pessoas começam a ver coisas que não existem. Por exemplo, uma pessoas estava a comer e essa pessoa começa a ver ratos, aranhas,…
As pessoas perdem o sentido do sabor, por exemplo se a pessoa estiver a comer não sente o sabor da comida. Essas pessoas até se esquecem do nome da sua família mais próxima. Como por exemplo o nome da sua filha, irmã, irmão, tios, amigos, etc.
Quero agradecer à Sara e à Catarina.

Ariana
Segunda-feira aprendi muitas coisas novas sobre a doença de Alzheimer, que a maior parte delas nunca tinha ouvido falar. Aprendi que quando esta doença estiver muito evoluída podemos nem saber o nosso nome, mas também sem estar evoluída., as pessoas não se lembram dos seus familiares, começam a ter delírios, etc. Esta doença decorre por volta dos 65 anos de idade. 
As senhoras que nos atenderam foram muito simpáticas e ensinaram-me muita coisa. Agradeço às pessoas que nos acompanharam.

Rita
Gostei muito da sessão porque pude aprender. O principal sintoma da doença de Alzheimer é a perda de memória. Acho que a ideia de a história ser sobre elefantes é muito boa, porque os elefantes nunca esquecem nada. 
Obrigada por nos terem ensinado mais sobre Alzheimer.

Miguel
Alzheimer é uma doença sem cura. Esta doença tem vários sintomas como a perda de memória, os delírios, alucinações, etc. Os animais não podem ter esta doença. A doença pode matar.
Agradeço às senhoras que me explicaram como é esta doença.

Tatiana
Alzheimer pode acontecer a todos nós.

Bruno
A doença de Alzheimer é uma doença muito triste e também muito má, pois causa delírios (alucinações). Nesta doença o principal sintoma é a perda de memória. E isto tudo vai evoluindo. 
Obrigado

Lara
A doença de Alzheimer tem vários sintomas como delírios, perda de memória, ficam mais tristes,… A peça que as senhoras fizeram foi boa para explicar a doença, porque mostra com é que a doença começa. Depois disseram que o melhora ingrediente para a doença é a paciência.

Gabriel
Eu aprendi que a é a perda de memória, pode ser fatal e demora muito tempo a evoluir.


Rodrigo
A doença de Alzheimer só acontece a partir dos 60 anos. A doença de Alzheimer é muito rara.

Soraia
A avó que era a Sara tinha Alzheimer e a Catarina era o Memo, que ajudou a avó. A Catarina e a Sara ajudaram-nos a perceber o que era a doença de Alzheimer. Muito obrigado Sara e Catarina por nos terem ajudado a perceber o que era a doença de Alzheimer.

Eurico
Eu aprendi que Alzheimer é uma doença muito grave e nem sabia que o nome Alzheimer existia. A história do elefante Memo é muito interessante e divertida. As pessoas que estavam a apresentar explicaram muito bem a doença de Alzheimer. Descobri que Alzheimer tem vários sintomas graves como perda de memória, alucinações,…

Ana
Eu aprendi que sempre que vir uma pessoa que está a ver coisas vou logo ajuda-la. As meninas que estiveram cá na Escola ajudaram-me a perceber que a doença d Ahlzeimer é uma doença que se tem a partir dos 65 anos. Eu agora vou estar mais atenta aos meus avós, principalmente ao avô da parte da mãe, porque ele tem 80 anos.
Obrigada por terem vindo. Deram-nos a perceber muita coisa.

Constança
Gostei da actividade porque aprendi a doença de Ahlzeimer e os seus sintomas. O exemplo dos elefantes foi uma grande ideia porque normalmente os elefantes têm uma boa memória. Aprendi que há vários sintomas como: perdas de memória, alucinações, não dormir bem, delírios, etc.

Vasco
Eu gostei muito da sessão sobre Alzheimer, pois aprendi muito. A representação do Elefante Memo foi melhor para eu perceber o Alzheimer. Já sabia algumas coisas, mas fiquei a saber mais. Até já sei alguns sintomas da doença: delírios, memorizar,…
Muito obrigado Catarina e Sara. Beijos! Obrigado.

Martim
A Alzheimer é uma doença importante e pode ter-se a partir dos 65 anos. Aprendi isto Na palestra e teatro que vi na Biblioteca. O Teatro era sobre uma avó elefante que tinha uma doença (Alzheimer) e gostei porque aprendi mais.

Ricardo
Nós assistimos a um teatro do elefante Memo e Kelembra. Ensinaram-nos o que era o Alzheimer.

Santiago
Gostei muito porque aprendi que a doença de Alzheimer tem muitos sintomas. A história foi muito boa porque era mesmo muito gira. Aprendi que a doença só começa a partir dos 65 anos, mas também pode acontecer aos 64, mas é muito raro. Foi muito importantes terem-me explicado isso.

Marta
Eu acho que na doença de Alzheimer os elefantes são uma boa escolha, porque eles são inteligentes e memorizam as coisas rapidamente e nessa doença um dos principais sintomas é a perda de memória. Foi uma boa experiência, pois assim ficámos a conhecer melhor essa doença e para podemos ficar mais alerta. 
Obrigado pela vossa explicação.



Alguns desenhos elaborados pelas Crianças



memo     memo     memo     memo     memo     memo

 


INR
Projeto cofinanciado pelo Programa de Financiamento a Projetos pelo INR, I. P.