Pesquisa

Nova ferramenta de estimulação cognitiva

Alzheimer Portugal
Novo puzzle tem como objetivo a estimulação psico-motora e a recuperação de memórias
Autor Tatiana Nunes 
Data 08-02-2021 
A Alzheimer Portugal é uma das instituições que acolhem o protótipo de uma nova ferramenta de estimulação cognitiva, um Puzzle, tendo recebido exemplares para aplicar nos diversos serviços espalhados pelo país, com as Pessoas com Demência. 

A construção de parcerias entre diferentes sectores tem vindo a verificar-se uma tendência natural como resposta aos novos desafios sociais e humanos com que nos deparamos. No seguimento de um estudo focado nessas mesmas práticas levado a cabo pelo designer e investigador João Bernarda na área do Design Social, aquando desenvolvimento do seu PhD em Design (IADE/Universidade Europeia), foi criada uma ferramenta de estimulação cognitiva com o objetivo de estimular memórias e onde a capacidade de descrever, assimilar e interpretar é trabalhada entre dois intervenientes: a Pessoa com Demência e o cuidador que a acompanha.

A prática deste jogo pretende a estimulação psico-motora e a recuperação de memórias (emocionais, físicas, temporais ou outras passíveis de recuperar), a estimulação de novos temas de discussão e conversação, proporcionando uma maior dinâmica na comunicação oral e exercitando a recuperação de diferentes tipos de memória do utente, incentivando a sua utilização numa lógica de prevenção e simultaneamente de intervenção ao nível do treino e estimulação cognitiva. A jogabilidade consiste na interação (omissão-revelação) de peças deslizantes com dimensão variável com uma imagem de fundo (ex.: fotografias de familiares ou outros). Esta atividade cujo tempo médio de utilização é de cerca de 15 minutos por imagem, permite uma análise mais cuidada de cada fração da imagem possibilitando um acréscimo de dados descritivos por parte do utente favorecendo a análise das capacidades cognitivas e histórias de vida.

O Puzzle, um jogo de caráter terapêutico e estimulação cognitiva em contexto de intervenção social, está agora a ser implementado pelas várias Delegações e Centros de Dia da Alzheimer Portugal e o feedback tem sido bastante positivo.

A parceria estabelecida para avaliação desta ferramenta tem como principal objetivo a partilha de conhecimentos e das melhores práticas, partilha essa consumada através da utilização do Puzzle de Estimulação Cognitiva, por parte dos colaboradores da Associação junto de Pessoas com Demência.